Auxílio Gás: Confira quem tem direito a receber neste sábado (17/06)

Auxílio Gás: Confira o pagamento para famílias do NIS terminado em 1 a partir deste sábado (17/06).

O Auxílio Gás é um benefício concedido a cada dois meses às famílias cadastradas e atualizadas no Cadastro Único (CadÚnico).

O pagamento referente ao mês de junho já está confirmado, e as famílias com o Número de Inscrição Social (NIS) terminado em 1 poderão movimentar o valor do benefício a partir deste sábado, dia 17.

Embora o pagamento para esse NIS esteja programado inicialmente para o dia 19, a Caixa Econômica Federal permite a antecipação da movimentação dos valores através do Caixa Tem, devido ao fato de o dia 19 ser uma segunda-feira.

Tabela de pagamento de junho do Auxílio Gás

Além dos beneficiários com Número de Inscrição Social (NIS) terminado em 1, aqueles com NIS terminado em 6 também poderão movimentar a quantia do Auxílio Gás no sábado anterior, dia 24 de junho.

É importante lembrar que a tabela de pagamento do Auxílio Gás é a mesma do Bolsa Família. Confira abaixo as datas de pagamento dos programas para o mês de junho:

  • NIS terminado em 1: movimentação no sábado, dia 17 de junho.
  • NIS terminado em 6: movimentação no sábado, dia 24 de junho.

Certifique-se de consultar o calendário oficial para outras datas de pagamento, a fim de garantir o recebimento adequado dos benefícios.

  • NIS terminado em 1: dia 19 de junho (antecipado para o sábado, 17);
  • NIS terminado em 2: dia 20 de junho;
  • NIS terminado em 3: dia 21 de junho;
  • NIS terminado em 4: dia 22 de junho;
  • NIS terminado em 5: dia 23 de junho;
  • NIS terminado em 6: dia 26 de junho (antecipado para o sábado, 24);
  • NIS terminado em 7: dia 27 de junho;
  • NIS terminado em 8: dia 28 de junho;
  • NIS terminado em 9: dia 29 de junho;
  • NIS terminado em 0: dia 30 de junho.

No mês de junho, o Auxílio Gás terá o valor de R$109, um real a menos em comparação ao valor regularmente pago.

Essa variação ocorre devido ao cálculo do benefício, que é baseado no índice médio de preços divulgado pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Situação do Cartão do Auxílio Brasil em 2023: está em funcionamento? Será entregue?

Critérios para receber o Auxílio Gás, de acordo com a Caixa Econômica Federal:

Para ser elegível ao Auxílio Gás, é necessário atender aos seguintes critérios estabelecidos pela Caixa Econômica Federal:

  1. Famílias inscritas no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), com renda familiar mensal igual ou inferior a meio salário mínimo por pessoa. Essa condição também se aplica às famílias que já recebem outros benefícios governamentais.
  2. Famílias que tenham, em sua composição familiar, pelo menos uma pessoa que receba o Benefício de Prestação Continuada (BPC) da assistência social, independentemente de estarem inscritas no CadÚnico ou não.

Cumprindo esses critérios, as famílias têm direito a receber o Auxílio Gás. É importante estar com as informações atualizadas no CadÚnico para garantir o acesso a esse benefício.

Consignado do Auxílio Brasil: promessa de “perdão” completa 6 meses sem resposta do governo

Além dos critérios mencionados anteriormente, é importante ressaltar que o Auxílio Gás é um benefício concedido a cada dois meses, com o objetivo de auxiliar as famílias de baixa renda no custeio do gás de cozinha.

O valor pago pelo Auxílio Gás é calculado com base no índice médio de preços da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o que pode resultar em variações no montante repassado a cada período.

A Caixa Econômica Federal é a responsável pelo pagamento do benefício e segue um calendário específico para disponibilizar os recursos aos beneficiários.

É fundamental que as famílias acompanhem as datas de pagamento divulgadas pela Caixa, levando em consideração o último dígito do Número de Inscrição Social (NIS).

O Auxílio Gás, assim como o Bolsa Família, utiliza a mesma tabela de pagamento, o que facilita a organização dos beneficiários.

É importante consultar o calendário de pagamentos para saber quando poderão movimentar a quantia disponível, garantindo o acesso ao benefício dentro do prazo estabelecido.

Com o Auxílio Gás, espera-se proporcionar um alívio financeiro às famílias de baixa renda, contribuindo para a segurança alimentar e promovendo uma melhoria na qualidade de vida.

Por meio desse programa, busca-se garantir o acesso ao gás de cozinha, um item essencial no dia a dia das famílias para o preparo de alimentos.

%d blogueiros gostam disto: