×

Como fazer PIX utilizando o cartão de crédito: descubra agora mesmo

Como fazer PIX utilizando o cartão de crédito: descubra agora mesmo

O PIX se tornou um dos meios de pagamento mais populares no Brasil, devido à facilidade do sistema criado pelo Banco Central. Agora, a ferramenta foi aprimorada e é possível realizar um PIX utilizando o limite do seu cartão de crédito. Saiba como funciona!

PIX com limite do cartão de crédito 

Precisa realizar uma transferência via PIX, mas não tem dinheiro na conta? Agora é possível usar o limite do seu cartão de crédito para fazer essa transação. Essa opção funciona como uma modalidade do PIX parcelado, não exigindo que haja saldo disponível em conta para a transferência.

Entretanto, é importante lembrar que o valor transferido é descontado na fatura do cartão, portanto, é necessário ter cuidado para não ultrapassar o limite disponível. Além disso, o valor transferido é pago à vista pelo destinatário, mas o cliente pode optar por parcelar o pagamento dessa operação.

Taxas cobradas 

Não há uma taxa fixa definida pelo Banco Central para o uso do PIX com cartão. Cada banco tem a liberdade de estabelecer sua própria taxa.

Bancos em que é possível fazer um PIX com cartão 

Vários bancos já oferecem essa funcionalidade. Confira abaixo alguns deles:

  1. Nubank: No Nu, os clientes podem parcelar transferências via PIX em até 12 vezes. É possível simular os valores parcelados antes de efetuar a transferência.
  2. Digio: Os clientes do Digio podem usar parte do limite do cartão para fazer um PIX parcelado. O cliente tem autonomia para determinar a porcentagem do limite que deseja destinar para esse fim, mas a taxa de serviço pode chegar a 9,9% por mês.
  3. RecargaPay: Aqui, a transferência é feita com o saldo que cada usuário tem em sua carteira virtual. A taxa cobrada para envio é de 4,49%. No entanto, se a pessoa for assinante do RecargaPay Prime+, ela pode parcelar o PIX em até 12 vezes e pagar uma taxa menor de 3,49%.
  4. PicPay: Nesta opção, os usuários não podem usar a ferramenta de parcelamento entre contas do mesmo titular. No entanto, para outros pagamentos, o PIX pode ser parcelado. A plataforma cobra uma taxa de serviço de 4,99%.