×

Como ganhar R$ 8 mil trabalhando em Portugal com o apoio do governo

trabalhando em Portugal

Como ganhar R$ 8 mil trabalhando em Portugal com o apoio do governo

Você já pensou em trabalhar em Portugal, um dos países mais bonitos e seguros da Europa, e ainda receber um incentivo financeiro do governo?

Pois saiba que isso é possível graças a um programa chamado Tech Visa, que visa atrair profissionais qualificados na área de tecnologia para o país.

Neste artigo, você vai descobrir o que é o Tech Visa, quais são os requisitos para participar, como se candidatar e quais são as vantagens de trabalhar em Portugal.

Além disso, você vai ver como é possível ganhar quase R$ 8 mil por mês, dependendo da sua experiência e qualificação. Ficou interessado?

Então continue lendo e confira!

O que é o Tech Visa?

O Tech Visa é um programa criado pelo governo português em 2019, com o objetivo de facilitar a contratação de profissionais estrangeiros na área de tecnologia por empresas portuguesas.

O programa faz parte de uma estratégia para tornar Portugal um polo de inovação e competitividade no cenário europeu e global.

O Tech Visa permite que as empresas portuguesas certificadas pelo programa possam contratar profissionais de qualquer nacionalidade, sem a necessidade de uma autorização de residência prévia.

O processo de visto é simplificado e rápido, levando em média 30 dias.

Além disso, o profissional contratado tem direito a um cartão de residência temporário, que pode ser renovado por até cinco anos, e que lhe dá acesso aos mesmos direitos e benefícios dos cidadãos portugueses, como saúde, educação, segurança social e mobilidade dentro da União Europeia.

Quais são os requisitos para participar do Tech Visa?

Para participar do Tech Visa, é preciso cumprir alguns requisitos, tanto por parte do profissional quanto por parte da empresa contratante.

Veja quais são eles:

Requisitos do profissional

  • Ter uma formação superior ou técnica na área de tecnologia, ou comprovar experiência profissional relevante no setor;
  • Ter um contrato de trabalho ou uma proposta de contrato de trabalho com uma empresa certificada pelo Tech Visa;
  • Ter um salário bruto mensal igual ou superior a € 1.375,00 (cerca de R$ 8.000,00, de acordo com a cotação de janeiro de 2024);
  • Ter um seguro de saúde válido em Portugal;
  • Não ter antecedentes criminais.

Requisitos da empresa

  • Estar sediada em Portugal e ter atividade na área de tecnologia;
  • Estar certificada pelo Tech Visa, o que implica cumprir alguns critérios de inovação, internacionalização e competitividade;
  • Oferecer um contrato de trabalho ou uma proposta de contrato de trabalho ao profissional estrangeiro, com um salário bruto mensal igual ou superior a € 1.375,00;
  • Pagar as taxas administrativas do processo de visto, que variam entre € 52,00 e € 72,00 por profissional.

Como se candidatar ao Tech Visa?

O processo de candidatura ao Tech Visa é feito online, através de uma plataforma chamada Portal Tech Visa. O primeiro passo é encontrar uma empresa certificada pelo programa, que tenha uma vaga de emprego na área de tecnologia compatível com o seu perfil.

Você pode consultar a lista de empresas certificadas no site do Tech Visa, ou usar plataformas de busca de emprego, como o LinkedIn, o Indeed ou o Glassdoor.

Depois de encontrar uma empresa que lhe interesse, você deve enviar o seu currículo e uma carta de motivação, e aguardar o contato da empresa para uma entrevista.

Se você for selecionado, a empresa vai lhe enviar um contrato de trabalho ou uma proposta de contrato de trabalho, que você deve aceitar e assinar.

Em seguida, a empresa vai submeter a sua candidatura ao Tech Visa, através do Portal Tech Visa, e você vai receber um e-mail com um código de acesso para acompanhar o status do seu processo.

Você também vai precisar enviar alguns documentos, como o seu diploma, o seu passaporte, o seu seguro de saúde e o seu certificado de antecedentes criminais, que devem estar traduzidos para o português ou para o inglês.

Após a análise e a aprovação da sua candidatura pelo Tech Visa, você vai receber um visto de trabalho temporário, que tem a validade de quatro meses, e que lhe permite entrar em Portugal e iniciar as suas atividades profissionais.

Depois de chegar em Portugal, você deve solicitar o seu cartão de residência temporário, que tem a validade de um ano, e que pode ser renovado por até cinco anos.

Quais são as vantagens de trabalhar em Portugal?

Trabalhar em Portugal com o apoio do Tech Visa pode trazer muitas vantagens para a sua carreira e para a sua vida pessoal.

Veja algumas delas:

  • Você vai ter a oportunidade de trabalhar em um país que é referência em tecnologia e inovação, e que tem uma forte presença de empresas multinacionais e startups;
  • Você vai poder aprender e aprimorar o seu conhecimento em tecnologia, e também em outras áreas, como idiomas, cultura e negócios;
  • Você vai receber um salário competitivo, que pode variar de acordo com a sua experiência e qualificação, mas que é superior ao salário mínimo nacional, que é de € 665,00 (cerca de R$ 3.900,00);
  • Você vai ter acesso aos mesmos direitos e benefícios dos cidadãos portugueses, como saúde, educação, segurança social e mobilidade dentro da União Europeia;
  • Você vai poder desfrutar de um país que tem uma excelente qualidade de vida, com um clima agradável, uma gastronomia deliciosa, uma rica história e cultura, e uma diversidade de paisagens e atividades;
  • Você vai poder conhecer e interagir com pessoas de diferentes nacionalidades, culturas e backgrounds, e ampliar a sua rede de contatos profissionais e pessoais.

O Tech Visa é um programa que oferece uma ótima oportunidade para os profissionais da área de tecnologia que querem trabalhar em Portugal, e que podem ganhar quase R$ 8 mil por mês, dependendo da sua experiência e qualificação.

O programa facilita a contratação de profissionais estrangeiros por empresas portuguesas certificadas, e garante os mesmos direitos e benefícios dos cidadãos portugueses.

Para participar do Tech Visa, é preciso ter uma formação superior ou técnica na área de tecnologia, ou comprovar experiência profissional relevante no setor, e ter um contrato de trabalho ou uma proposta de contrato de trabalho com uma empresa certificada pelo programa.

O processo de visto é simplificado e rápido, e o profissional contratado tem direito a um cartão de residência temporário, que pode ser renovado por até cinco anos.

Trabalhar em Portugal com o apoio do Tech Visa pode trazer muitas vantagens para a sua carreira e para a sua vida pessoal, como a oportunidade de trabalhar em um país que é referência em tecnologia e inovação, de receber um salário competitivo, de ter acesso aos mesmos direitos e benefícios dos cidadãos portugueses, e de desfrutar de um país que tem uma excelente qualidade de vida, com um clima agradável, uma gastronomia deliciosa, uma rica história e cultura, e uma diversidade de paisagens e atividades.

Se você se interessou pelo Tech Visa, não perca tempo e comece a procurar uma empresa certificada pelo programa, que tenha uma vaga de emprego na área de tecnologia compatível com o seu perfil.

Você pode consultar a lista de empresas certificadas no site do Tech Visa, ou usar plataformas de busca de emprego, como o LinkedIn, o Indeed ou o Glassdoor.

Depois, é só enviar o seu currículo e uma carta de motivação, e aguardar o contato da empresa para uma entrevista. Se você for selecionado, a empresa vai submeter a sua candidatura ao Tech Visa, e você vai receber um visto de trabalho temporário, que lhe permite entrar em Portugal e iniciar as suas atividades profissionais.

Depois de chegar em Portugal, você deve solicitar o seu cartão de residência temporário, e aproveitar as vantagens de trabalhar em Portugal com o apoio do governo.