Como receber o valor máximo da Aposentadoria

Como receber o valor máximo da Aposentadoria pago pelo INSS?

A aposentadoria após muitos anos de trabalho é a busca de muitos trabalhadores brasileiros. Portanto, para evitar surpresas futuras relacionadas ao valor dos benefícios, é importante desenvolver um bom plano de previdência.

Nesse sentido, é importante compreender as questões previdenciárias que passaram por reformas em 2019, bem como as atuais previdências emitidas pelo INSS, e o modelo atual de cálculo dos benefícios. Vale ressaltar que mesmo assim, é importante buscar a ajuda de um advogado.

Em relação ao teto do INSS, este é apenas o valor máximo permitido para a aposentadoria. Em 2021, o valor é de R $ 6.433,57. Lembrando que com a inflação acumulada no ano passado, o limite máximo será revisado em moeda todos os anos.

É possível receber o teto do INSS na aposentadoria?

Geralmente, para obter o valor máximo concedido pela agência, sua contribuição previdenciária deve ser equivalente a 20% de 6.433,57 reais, que é inferior ao limite superior. Isso fará um pagamento mensal de cerca de 1.280 reais

Para os trabalhadores em regime CLT, a remuneração deve ser de no mínimo R $ 6.433,57. Isso porque, nesse caso, as contribuições serão repassadas do empregador para o INSS, de forma que são diretamente proporcionais ao salário recebido pelo empregado.

No entanto, é importante notar que o teto de contribuição de 20% não significa que você receberá o maior pagamento na aposentadoria. Grandes mudanças ocorreram após a reforma das pensões, incluindo a forma como as pensões são calculadas. Entenda melhor esse problema nos tópicos a seguir.

Cálculo da aposentadoria

Após a reforma previdenciária, o cálculo do valor previdenciário prescrito leva em consideração a média de todas as contribuições previdenciárias desde 1994, o que, por sua vez, reduziu a chance de se obter o valor mais alto pago pelo INSS. Isso porque possíveis retiradas de baixo valor ou logo abaixo do limite superior implicarão na conta.

Além disso, o valor alcançado por essa média não será exatamente o valor pago na aposentadoria. De maneira geral, o segurado receberá uma contribuição anual equivalente a 60% + 2% do valor médio acima do mínimo obrigatório. Verificar:

  • No caso de homens: o valor será equivalente a 60% da média + 2% a cada ano de contribuição que ultrapassar 20 anos;
  • No caso de mulheres: o valor será equivalente a 60% da média + 2% a cada ano de contribuição que ultrapassar 15 anos.

Importante! Em todo caso, há exceções, por isso é de extrema importância buscar o auxílio de um advogado da previdência social. Este profissional poderá traçar a melhor estratégia de planejamento de sua aposentadoria.

 

%d blogueiros gostam disto: