Confirmado: Governo vai liberar saques do FGTS EMERGENCIAL de até R$ 1.100 em 2021

Os trabalhadores que aguardam a nova rodada do (FGTS EMERGENCIAL) podem ter essa modalidade liberada em 2021.

Isso ocorre porque o governo de Jal Bolsonaro (sem partido) está se preparando para lançar uma nova rodada de planos em resposta à pandemia de Covid-19.

As atividades que ainda estão sendo pesquisadas podem ser combinadas com outras iniciativas cujo principal objetivo é trazer mais recursos para a economia.

Embora o governo federal às vezes mitigue o impacto da pandemia e tenha certo atraso na atualização da assistência emergencial, a equipe econômica está preparando uma série de medidas para evitar o colapso da pandemia.

Em 2020, houve aumento do desemprego e da instabilidade financeira devido à necessidade de isolamento social e o fechamento de lojas .

Essa situação levou o governo a isentar uma retirada emergencial do FGTS de até um salário mínimo na época de R $ 1.045.

Mas, afinal: Como será o novo saque do FGTS emergencial em 2021?

Aparentemente, a próxima rodada de liberações emergenciais do FGTS seguirá como no ano passado, com pagamento para quem tem conta ativa ou inativa com saldo disponível no fundo.

A única diferença, porém, deve ser o valor máximo do pagamento, que pode ser de R $ 1.100 (um salário mínimo).

Segundo integrantes da equipe econômica do governo, há reserva suficiente nos recursos do FGTS para permitir uma nova onda de resgates sem comprometer a estabilidade do fundo.

Isso ocorre porque no plano de saque do ano passado, os beneficiários mais pobres já resgataram o valor cumulativo disponível e, portanto, não conseguiram acumular o saldo relevante para a nova rodada.

Mesmo com o presságio, ainda não há uma definição específica do formato do programa.

 


Próximo: PIS/Pasep em 2021 | Confira quem poderá sacar

%d blogueiros gostam disto: