Consignado Auxílio Brasil – Saiba por que muitas pessoas não conseguem tirar o empréstimo

empréstimo consignado do Auxilio Brasil

A Caixa Econômica Federal concedeu R$ 5 bilhões em crédito aos beneficiários do Auxílio Brasil só em outubro. Este crédito foi utilizado para folha de pagamento. Antes disso, o crédito era utilizado para a compra de bens e serviços.

Devido às informações fornecidas pelo Banco Central, esse número é difícil de obter atualmente. No entanto, os mutuários continuam a ter dificuldade em obter empréstimos com este número.

A Caixa Econômica recebeu reclamações por causa do aumento das restrições na hora de solicitar um empréstimo. O banco afirma que concedeu até US$ 4,2 bilhões em empréstimos apenas entre os dias 10 e 25 de outubro.

O banco afirma que a liberação de crédito segue os parâmetros de governança interna do banco em função das tendências de mercado e acompanhamento de seus produtos. Ele também declara que suas preocupações já foram analisadas.

Por que a dificuldade em conseguir o crédito do Auxílio Brasil?

A Caixa ainda não comentou relatos de dificuldades para aprovar empréstimos previdenciários, mas algumas empresas de comunicação, como o Uol, questionaram os funcionários do banco sobre a mudança de direção.

No início das concessões, poucas demandas foram atendidas com respostas negativas, disse o funcionário, falando sob condição de anonimato. No entanto, muito poucos pedidos foram liberados até agora.

Eles também informaram ao Uol que as diretrizes internas da Caixa, além das mudanças no sistema, levaram a uma redução significativa na originação de empréstimos, mesmo para outras linhas de crédito operadas pelo banco.

Bancos que liberam empréstimo do Auxílio Brasil

São 12 bancos que fazem empréstimos no Auxílio Brasil, mas alguns estão mais dispostos do que outros a fazer essa parceria. Exemplos: Caixa Econômica, Meu Tudo e Banco PAN. No entanto, cabe ao cliente escolher.

As solicitações de crédito consignado devem ser feitas através dos seguintes canais online do banco:

  • Caixa Econômica Federal
  • Banco Agibank S/A
  • Banco Crefisa S/A
  • Banco Daycoval S/A
  • Banco Pan S/A
  • Banco Safra S/A
  • Capital Consig Sociedade de Crédito Direto S/A
  • Facta Financeira S/A Crédito, Financiamento e Investimento
  • Pintos S/A Créditos
  • QI Sociedade de Crédito Direto S/A
  • Valor Sociedade de Crédito Direto S/A
  • Zema Crédito, Financiamento e Investimento S/A

O programa também estabelece regras como:

  • Taxa de juros: máximo de 3,5% ao mês;
  • Valor das parcelas: mínimo de R$ 15 e máximo de R$ 160;
  • Número de parcelas: máximo de 24, ou seja, pagamento em dois anos.

No prazo de um mês após a assinatura do contrato de empréstimo, a primeira parcela será debitada. Pode ser deduzido no máximo 40% do valor do auxílio de R$ 400.

%d blogueiros gostam disto: