Pular para o conteúdo

Início da bonificação de R$ 200 no Caixa Tem nesta semana: saiba como receber

Caixa Tem

Início do pagamento do Bolsa Família via Caixa Tem nesta semana: benefício mínimo de R$ 600 e adicional de R$ 50.

O pagamento do Bolsa Família pelo Governo Federal, por meio do Caixa Tem, terá início na próxima segunda-feira (19) e seguirá até o dia 30 de junho.

Além do valor mínimo fixo de R$ 600, os beneficiários poderão contar com um adicional para complementar o benefício. Isso ocorre devido ao início do pagamento do adicional de R$ 50 previsto no Novo Bolsa Família.

Dessa forma, os inscritos poderão acessar os valores de R$ 150 do Benefício Primeira Infância, destinado a cada criança de 0 a 6 anos que faça parte da família, além do adicional de R$ 50 por cada criança entre 7 e 12 anos (incompletos) e adolescente entre 12 anos até 18 anos (incompletos).

Com isso, os beneficiários que possuem dependentes nessas faixas etárias receberão pelo menos R$ 200 somados ao valor mínimo.

Como receber o Bolsa Família?

Para ser elegível ao benefício, a família precisa cumprir principalmente os seguintes critérios:

  1. Renda per capita familiar não superior a R$ 218;
  2. Ter inscrição no Cadastro Único (CadÚnico), que pode ser realizada nos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS).

Ao atender a esses requisitos, a família recebe um valor mínimo de R$ 600. No entanto, o cálculo do valor a ser recebido é baseado no número de pessoas na família, com cada pessoa tendo direito a um mínimo de R$ 142. Portanto, uma família composta por cinco membros receberia R$ 710.

Além disso, os beneficiários do programa podem receber adicionais se atenderem a outros critérios, tais como:

  1. R$ 150 para cada criança na primeira infância (de 0 a 6 anos);
  2. R$ 50 para cada criança entre 7 e 12 anos (incompletos) e adolescentes entre 12 anos e 18 anos (incompletos);
  3. R$ 50 por gestante.

Calendário de pagamento de junho do Bolsa Família

Os pagamentos do Bolsa Família seguem um cronograma baseado no último dígito do Número de Identificação Social (NIS). Veja abaixo:

  • NIS final 1: depósito em 19 de junho;
  • NIS final 2: depósito em 20 de junho;
  • NIS final 3: depósito em 21 de junho;
  • NIS final 4: depósito em 22 de junho;
  • NIS final 5: depósito em 23 de junho;
  • NIS final 6: depósito em 26 de junho;
  • NIS final 7: depósito em 27 de junho;
  • NIS final 8: depósito em 28 de junho;
  • NIS final 9: depósito em 29 de junho;
  • NIS final 0: depósito em 30 de junho.

Saiba como sacar as parcelas de R$860 e R$750 do Bolsa Família

O Bolsa Família é um programa de transferência de renda criado pelo Governo Federal que tem como objetivo combater a pobreza e a desigualdade social no Brasil.

Ele beneficia famílias em situação de vulnerabilidade, proporcionando-lhes auxílio financeiro mensal para suprir suas necessidades básicas.

O programa é gerenciado pelo Ministério da Cidadania e visa promover a inclusão social, garantindo o acesso à educação, saúde e alimentação adequada.

Além disso, busca incentivar a frequência escolar das crianças e o acompanhamento do pré-natal pelas gestantes.

O pagamento do Bolsa Família é realizado de forma escalonada, de acordo com o último dígito do NIS, para facilitar a organização e distribuição dos recursos.

Os beneficiários devem ficar atentos às datas estipuladas para o saque do benefício, que são divulgadas mensalmente.

Além do valor mínimo fixo de R$ 600, o programa oferece benefícios adicionais de acordo com a composição familiar e características específicas dos membros, como o Benefício Primeira Infância para crianças de 0 a 6 anos e o Benefício Variável Familiar para crianças, adolescentes, gestantes e nutrizes.

Essa iniciativa do governo busca não apenas prover assistência financeira, mas também promover a inclusão social e o desenvolvimento das famílias, visando romper o ciclo da pobreza e proporcionar melhores condições de vida.

O Bolsa Família tem se mostrado uma importante ferramenta na redução da desigualdade e na garantia dos direitos básicos de milhões de brasileiros.