Lista dos segurados do INSS

Lista dos segurados do INSS que receberão até R$ 72 mil é liberada

O Conselho da Justiça Federal (CJF) disponibilizou o lote mensal de atrasados ​​do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) aos pensionistas e demais segurados que obtiveram ou apuraram benefício em juízo. O valor dado ao grupo é de 1,53 bilhão de reais.

Esse valor será destinado ao pagamento de benefícios previdenciários e assistenciais, tais como: auxílio-doença, pensão, aposentadoria, Benefício de Prestação Continuada (BPC) e outros. Um total de 105.800 pessoas serão cobertas.

Qual será o valor?

O dinheiro será usado para pagar os chamados pedidos de baixo valor (RPV), que estão atrasados ​​em até R$ 72.720, o que equivale a 60 salários mínimos.

O dinheiro desta festa será entregue aos cidadãos que obtiveram autorização para desembolsar pelo judiciário em setembro de 2022. Além disso, o julgamento teve que ser encerrado, sem possibilidade de recurso junto ao INSS, na chamada  “trânsito julgado”.

Quando será feito o depósito do dinheiro?

Os pagamentos devidos ao INSS serão efetuados de acordo com cada cronograma do Tribunal do Distrito Federal (TRF) responsável pelo depósito.

Ocorrem em contas abertas na Caixa ou Banco do Brasil em nome do titular. Para saber em qual dia os recursos serão liberados na conta, o interessado deve consultar a página responsável pelo TRF.

É o que explica advogado trabalhista Ruslan Stuchi, sócio do escritório Stuchi Advogados:

“Não tem data específica, podendo ser liberado no dia 1º do mês. A pessoa que tem processo na Justiça Federal deve procurar seu advogado para verificar os procedimentos para a liberação do valor. Tem advogado que faz a liberação e repassa ao cliente, outros já fazem a retirada dos honorários.”

Como consultar os atrasados do INSS em cada tribunal?

Observe a seguir como consultar a liberação dos atrasados pelos sites do TRF:

  • TRF da 1ª Região (DF, MG, GO, TO, MT, BA, PI, MA, PA, AM, AC, RR, RO e AP)
  • TRF da 2ª Região (RJ e ES)
  • TRF da 3ª Região (SP e MS)
  • TRF da 4ª Região (RS, PR e SC)
  • TRF da 5ª Região (PE, CE, AL, SE, RN e PB)

É importante observar que os RPVs judiciais federais (valores abaixo de 60 salários mínimos) costumam ser oferecidos posteriormente, setembro-outubro, outubro-novembro e assim por diante. Ao contrário dos precatórios, que valem mais do que essa faixa, mas são pagos com menos frequência.

%d blogueiros gostam disto: