Empréstimo do Auxílio Brasil feito na CAIXA

Quando o dinheiro do Empréstimo do Auxílio Brasil feito na CAIXA cai na conta ?

A Caixa Econômica Federal começou esta semana a oferecer crédito consignado aos beneficiários do programa Auxílio Brasil por meio do Caixa Tem, Casa Lotéricas, agências e agentes bancários, e muitas famílias já estão se perguntando quando o dinheiro deve entrar na conta.

De acordo com a página de perguntas e respostas da Caixa, se o pedido for aceito, o dinheiro é liberado em até 48 horas úteis, a menos que o Departamento de Cidadania feche a folha de pagamento, os prazos seguem o calendário. Os detalhes serão divulgados pelo Ministério da Cidadania.

Mas não está claro se os dois dias úteis mencionados pela Caixa começam a contar após a solicitação do empréstimo ou somente após o cadastro, ou seja, após o banco enviar os dados do beneficiário para a Dataprev, a Dataprev tem que cruzar os dados, confirmar ou negar o beneficiário atende aos requisitos para entrar em um empréstimo consignado.

Ainda assim, a Caixa teria começado a liberar para alguns dos beneficiários que se inscreveram no crédito consignado nos dois primeiros dias da semana , de modo que as famílias que se inscreveram nos dias seguintes devem recebê-los nos próximos dias.

Empréstimo Auxílio Brasil no Caixa Tem

Os beneficiários do Auxílio Brasil podem receber mais de R$ 2.400 pelo aplicativo Caixa Tem, estabelecimentos físicos ou Casas Lotéricas, e pagar R$ 160 em 24 vezes, descontados do benefício a cada mês, veja como contratar:

  • Abra o aplicativo Caixa Tem utilizando CPF e Senha cadastrados;
  • Vá até a opção “Empréstimos”;
  • Escolha a opção “Simular e Contratar”;
  • Depois, escolha a opção “Empréstimo Consignado”;
  • Responda o questionário com perguntas a respeito do consignado;
  • Pronto, basta conferir os valores, os termos e condições e escolher a opção “Contratar”.

Muitos beneficiários relataram que não conseguiram realizar simulações e firmar contratos de empréstimo devido a pedidos instáveis ​​apresentados.

Em alguns casos, o beneficiário não apareceu com opção de empréstimo. Portanto, foi necessário aguardar a normalização do sistema, pois a instabilidade foi devido a Há um grande fluxo de pessoas tentando contratar a folha de pagamento.

Empréstimo do Auxílio Brasil na Caixa

Além do Caixa Tem, o crédito para beneficiários do Programa Auxílio Brasil está disponível em 26.000 entidades em todo o país, com mais de 4.000 agências, mais de 13.000 lotéricas e mais de 9.000 correspondentes Caixa Aqui, com as seguintes condições:

  • O valor máximo do benefício será de até 40% do valor mensal do benefício de R$ 400, já que o valor de R$ 600 é temporário, portanto o parcelamento máximo será de R$ 160 por mês;
  • O pagamento é feito em até 24 parcelas, ou seja, o desconto ocorrerá em um prazo de dois anos;
  • A taxa de juros é de 3,45% ao mês, 0,05% abaixo do teto de 3,5%, totalizando 50,23% ao ano;
  • O valor será depositado na mesma conta em que o beneficiário recebe o Auxílio Brasil, mas somente dois dias após a confirmação do empréstimo.

A Caixa informou ainda que disponibilizou uma página em seu site para perguntas e respostas sobre a carga Auxílio Brasil, bem como uma página de educação financeira em seu site, que pode ser acessada pelo endereço caixa.gov.br/educacao-financeira .

Empréstimo consignado do Auxílio Brasil

Os beneficiários poderão encontrar as informações necessárias para firmar contrato com a empresa por meio do extrato de pagamento do benefício ou consulta que receberem no momento dos saques mensais, conforme determina a Portaria do Ministério da Cidadania nº 816. Solicite o Auxílio Brasil.

Há também um número máximo de parcelas de 24 (vinte e quatro) parcelas por mês e parcelas consecutivas, ou seja, uma cobrança obrigatória é cobrada mensalmente até que o empréstimo seja totalmente pago, não sendo permitido “saltar” parcelas em nenhum momento.

Outro ponto importante é a taxa de juros, que não pode ser superior a 3,5% ao mês, tornando o Auxílio Brasil uma taxa semelhante à taxa cobrada dos aposentados e pensionistas do INSS.

%d blogueiros gostam disto: