Pular para o conteúdo

Rendimento do CDB do Banco Inter: O que esperar de R$ 1.000 após a última decisão do Copom?

Banco Inter

Rendimento do CDB do Banco Inter: O que esperar de R$ 1.000 após a última decisão do Copom? A taxa básica de juros sofreu uma redução de 13,25% para 12,75% ao ano, após a decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) nesta quarta-feira (20).

Isso terá um impacto nos investimentos vinculados ao CDI, que está diretamente ligado à Selic. O CDB (Certificado de Depósito Bancário) oferecido pelo Banco Inter é um desses investimentos.

O banco disponibiliza diversas opções de investimento para seus clientes, incluindo renda fixa, ações, fundos de investimento, previdência privada, entre outros.

Portanto, os clientes que buscam segurança e optam por investimentos de renda fixa enfrentarão uma remuneração vinculada à taxa básica de juros.

Vale ressaltar que é possível realizar investimentos em CDB pelo Banco Inter diretamente pelo aplicativo móvel (disponível para Android ou iOS) ou pelo internet banking.

Em geral, começar a investir nesse tipo de modalidade é bastante simples.

Rendimento do CDB do Banco Inter com a nova taxa de juros

Banco Inter

Com a alteração na taxa básica de juros, o rendimento do CDB do Banco Inter, considerando um investimento de R$ 1.000, ficará da seguinte forma:

  • 6 meses: R$ 1.047,87;
  • 12 meses (1 ano): R$ 1.101,20;
  • 24 meses (2 anos): R$ 1.226,61;
  • 30 meses (2 anos e meio): R$ 1.290,87;
  • 60 meses (5 anos): R$ 1.666,36.

Como observado, a rentabilidade da conta, assim como em qualquer outro investimento, varia de acordo com o período pelo qual o dinheiro é mantido.

No caso do Banco Inter, o rendimento é de 100% do CDI para valores entre R$ 1 e R$ 249.999,99.

Rendimento de até 102% do CDI

O Banco Inter também oferece a possibilidade de rendimento de até 102% do CDI, mas isso é válido apenas para aplicações com valores mais elevados. Veja como funciona:

  • De R$ 1 a R$ 249.999,99: 100% do CDI;
  • De R$ 250.000 a R$ 499.999,99: 100,5% do CDI;
  • De R$ 500.000 a R$ 749.999,99: 101% do CDI;
  • De R$ 750.000 a R$ 999.999,99: 101,5% do CDI;
  • Acima de R$ 1 milhão: 102% do CDI.

Pensão do INSS: Descubra tudo o que você precisa saber sobre as novas regras

Os Certificados de Depósito Bancário (CDBs) são uma das opções mais populares de investimento de renda fixa oferecidos pelos bancos no Brasil.

No caso do Banco Inter, os CDBs são uma escolha interessante para investidores que buscam uma alternativa de baixo risco e que desejam ver seu dinheiro render.

A taxa Selic, que é definida pelo Comitê de Política Monetária (Copom), desempenha um papel crucial nos investimentos em CDBs.

Como você mencionou, a redução da taxa básica de juros de 13,25% para 12,75% ao ano terá um impacto direto nesses investimentos.

Aqui estão alguns pontos-chave a serem considerados:

  1. Rendimento Variável com a Selic: Os CDBs do Banco Inter geralmente têm seu rendimento atrelado ao CDI (Certificado de Depósito Interbancário), que costuma seguir de perto a taxa Selic. Quando a Selic é reduzida, como aconteceu recentemente, espera-se que o CDI também caia. Isso significa que os CDBs podem oferecer um rendimento menor em relação a períodos anteriores.
  2. Diversificação de Prazos: É importante notar que os CDBs oferecem diferentes opções de prazos de vencimento, como você mencionou nos cálculos de rendimento. Os investidores podem optar por prazos curtos, como 6 meses, ou prazos mais longos, como 5 anos. A escolha do prazo afetará diretamente o rendimento, e é importante considerar seus objetivos financeiros ao escolher a melhor opção.
  3. Diversificação de Valores: O Banco Inter oferece diferentes níveis de rendimento com base no valor investido, como você explicou. Investidores com quantias mais elevadas podem acessar rendimentos um pouco melhores. Portanto, diversificar os valores investidos pode ser uma estratégia para otimizar o rendimento, desde que esteja alinhada com seu perfil de risco.
  4. Acompanhamento Regular: Em um ambiente de taxas de juros variáveis, é essencial acompanhar regularmente seus investimentos em CDB. As condições econômicas podem mudar, e os rendimentos podem ser afetados. Manter-se informado sobre as decisões do Copom e como elas afetam a Selic é importante para tomar decisões de investimento informadas.

Em resumo, os investimentos em CDB do Banco Inter continuam sendo uma opção sólida para investidores em busca de segurança e rendimentos previsíveis.

No entanto, é fundamental entender como as mudanças nas taxas de juros afetam esses investimentos e considerar fatores como prazo e valor investido ao tomar decisões de investimento.

Além disso, consultar um assessor financeiro pode ser útil para criar uma estratégia de investimento que se alinhe com seus objetivos financeiros de longo prazo.

Acesse: Meu Bolsa Família