×

Governo libera antepenúltima parcela do Bolsa Família Maio para beneficiários nesta terça-feira (30)

Bolsa Família

Governo libera antepenúltima parcela do Bolsa Família Maio para beneficiários nesta terça-feira (30)

O pagamento do Bolsa Família referente ao mês de maio está se aproximando do fim. Nesta terça-feira (30), será realizado o penúltimo depósito, beneficiando um grupo específico.

A seguir, forneceremos informações sobre quem receberá e os principais valores.

Hoje, dia 30 de maio, os beneficiários do Bolsa Família terão o crédito de mais uma parcela do programa.

O grupo contemplado dessa vez é aquele com NIS Final 9, e essas pessoas já podem movimentar os seus valores por meio do Caixa Tem. Confira abaixo o calendário completo do mês:

Dígito final do NIS Data
1 18/05
2 19/05
3 22/05
4 23/05
5 24/05
6 25/05
7 26/05
8 29/05
9 30/05
0 31/05

 

Quanto aos valores, neste mês está sendo pago apenas um adicional: o Benefício Primeira Infância. Com esse benefício, as famílias recebem uma parcela de R$ 150 por cada criança de até seis anos de idade.

Não há um limite definido e os beneficiários do Bolsa Família podem dobrar o valor do seu auxílio.

Diferentemente de abril, neste mês não teremos o depósito do Auxílio Gás, uma vez que esse benefício complementar é pago a cada dois meses.

Portanto, o próximo pagamento do vale ocorrerá somente no mês de junho, novamente em conjunto com o Bolsa Família.

A expectativa do governo é que o valor médio dessa nova folha de pagamento atinja um patamar histórico.

Realiza seu saque do Bolsa Família

Para acessar os valores depositados, os beneficiários do Bolsa Família têm a opção de consultar através da internet, utilizando o aplicativo Caixa Tem, disponível para Android e IOS.

Além disso, existem outras formas de consulta, como por telefone ou acessando a conta em que o dinheiro é depositado.

A seguir, apresentamos o passo a passo para o saque da parcela do benefício:

  1. Abra o aplicativo Caixa Tem;
  2. Selecione a opção “Entrar”;
  3. Escolha a opção “Saque sem Cartão”;
  4. Clique em “Gerar código para saque”;
  5. Digite sua senha;
  6. Insira o código numérico gerado no caixa eletrônico ou na lotérica.

Dessa forma, os beneficiários poderão realizar o saque de forma segura e conveniente, utilizando o aplicativo Caixa Tem ou outros canais disponíveis para acessar seus valores do Bolsa Família.

Visita surpresa para beneficiários do Bolsa Família: saiba se a fiscalização pode chegar à sua porta

Bolsa Família terá novos valores em junho

O Benefício Variável Familiar, que auxilia famílias numerosas, será liberado no mês de junho. Esse benefício destina-se a famílias com jovens entre sete e dezoito anos incompletos, bem como mulheres gestantes, e oferece um valor adicional que varia de R$ 20 a R$ 50.

Além desse benefício, existem outros adicionais, são eles:

  1. Benefício de Renda de Cidadania: esse benefício é concedido com o depósito de R$ 142 por pessoa da família.
  2. Benefício Complementar.
  3. Benefício Extraordinário de Transição.

Esses adicionais visam proporcionar suporte financeiro adicional às famílias beneficiárias, de acordo com suas necessidades específicas.

É importante ressaltar que o valor exato desses benefícios pode variar de acordo com a situação familiar e o enquadramento nos critérios estabelecidos pelo programa Bolsa Família.

Além do Benefício Variável Familiar e dos adicionais mencionados anteriormente, é importante destacar que o programa Bolsa Família oferece outros benefícios e ações para auxiliar as famílias em situação de vulnerabilidade.

Entre esses benefícios, podemos citar o Benefício para Superação da Extrema Pobreza, que busca garantir que as famílias em condições mais precárias recebam um auxílio adicional para superar a extrema pobreza.

Esse benefício é destinado às famílias cuja renda per capita seja inferior a um determinado valor estabelecido pelo programa.

Além disso, o Bolsa Família também promove ações complementares, como a inclusão produtiva, que visa apoiar a inserção das famílias no mercado de trabalho e estimular o empreendedorismo.

Por meio de programas de capacitação, microcrédito e incentivo à geração de renda, o objetivo é promover a autonomia financeira e a melhoria das condições de vida das famílias beneficiárias.

O programa Bolsa Família também conta com ações de acompanhamento familiar e de saúde, visando garantir o desenvolvimento integral das crianças e o acesso aos serviços básicos de saúde e educação.

Através dessas ações, busca-se promover a inclusão social e romper o ciclo da pobreza, oferecendo oportunidades para que as famílias alcancem uma melhor qualidade de vida.

É importante ressaltar que todos os benefícios e ações do Bolsa Família são regidos por critérios e normas estabelecidos pelo governo, visando garantir a transparência, a justiça e a efetividade do programa.

A regularidade dos pagamentos, a atualização dos cadastros e o cumprimento das condicionalidades são aspectos fundamentais para a continuidade do recebimento dos benefícios.

Assim, o Bolsa Família se configura como um importante instrumento de combate à pobreza e promoção da inclusão social no Brasil, proporcionando assistência financeira e oportunidades de desenvolvimento para as famílias em situação de vulnerabilidade, contribuindo para a construção de um país mais justo e igualitário.

Deixe uma resposta